O perfume das Palavras

Novembro 19 2008

Perdida

Perdida da escuridão

sozinha como sempre

perdida num labirinto.

 

A minha vida  vai a frente 

mas eu continuo atrás

sozinha em solidão

 

Não sei

o que dizer porque o meu coração se

afundou no mar

 

coração

 

 

O meu coração

Sozinha estou

num mundo de escuridão

tento-me alegrar com

este coração que

seguro na palma da mão

 

 

 

 

 

A tristeza

A tristeza é a solidão

que ninguem pode  negar

e que faz

as lágrimas derramar

 

Lágrima

 

 

publicado por raquel às 21:30

Querida Raquel,

Que dizer em relação aos teus poemas? Apenas que gostei muito e que fiquei muito surpreendida, até porque na minha vida nunca consegui fazer uma quadra!! Continua a surpreender-nos. Estou muito orgulhosa de ti. Parabéns

Lena estou surpreendida
L a 20 de Novembro de 2008 às 18:41

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Porque: "Disseram-me que quem sonha alto o tombo é grande. Mas esqueceram-se de perguntar se eu tenho medo de cair."-Bob Marley " Acreditar é a chave para tornar os sonhos em realidade" NUNCA DEIXE DE SONHAR.
mais sobre mim
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO